Estudante morre no dia do aniversário de 21 anos

Márcia Ferreira, que completou 21 anos no domingo. Foto: Reprodução

Márcia Ferreira, que completou 21 anos no domingo. Foto: Reprodução

Dois graves acidentes em rodovias do Estado causaram a morte de quatro pessoas e deixaram outras seis feridas em menos de 24 horas. O primeiro acidente foi em Aracruz, no Norte do Estado, por volta das 22h20 de sábado (10), com três vítimas fatais, enquanto o segundo, às 16h30 de domingo (11), em Guarapari, tirou a vida da estudante Márcia Renata Ramos Ferreira, no dia em que ela comemorava 21 anos.

Segundo a Polícia Militar, o acidente com a estudante foi na Rodovia do Sol, próximo à entrada da Pedreira Adventure Park. Márcia conduzia a moto dela, uma Honda Bros vermelha, e estava com a prima Karoline Ramos, 19, que estava na garupa da motocicleta. Elas voltavam da praia e iam comemorar o aniversário de Márcia na casa de parentes em Santa Mônica.

As primas, que seguiam no sentido Vila Velha, foram surpreendidas por um Kia Cerato preto, que estava no sentido Praia do Morro, invadiu a contramão e bateu frontalmente na moto das primas. Com o impacto, elas caíram no chão. Karoline teve corte profundo na coxa e fratura no pé. Ela foi socorrida e levada ao hospital São Lucas, em Vitória. Seu estado de saúde não foi informado. Já Márcia Renata morreu no local. O capacete dela chegou a quebrar no acidente.

Atrás delas estava um casal a bordo de uma Honda CG Titan 150 dourada, que não conseguiu frear a tempo e colidiu na moto das primas. O motociclista Alessandro Santos, 32, e a mulher Angela Rodrigues, 42, também caíram no asfalto, mas tiveram lesões leves e passam bem.

Santos contou que viu quando o carro saiu por trás da fila de carros para tentar cortar caminho. O motorista do Kia Cerato, de 30 anos, ficou no local e contou aos policiais que dormiu ao volante e que voltava com o filho do hospital. Ele estava ainda junto à mulher. O motorista foi levado à 5ª Delegacia Regional de Guarapari para prestar esclarecimentos. Ele fez o teste do bafômetro, que deu negativo.

Ele foi ouvido e liberado, pois, de acordo com o artigo 301 do Código de Trânsito Brasileiro, o condutor, nos casos de acidentes de trânsito com vítima, não será preso em flagrante caso haja prestação de socorro. Até o fechamento desta edição, a ocorrência estava em andamento e a autuação do motorista não havia sido liberada.

Roberta Bourguignon e Leone Oliveira

Confira a reportagem completa no Jornal A Tribuna desta segunda

FUENTE:

http://www.tribunaonline.com.br/estudante-morre-no-dia-do-aniversario-de-21-anos/