Buscador de Noticias Mundial. La mas completa informacion para todos los usuarios en todos los idiomas.



Você entende as gírias dos novos hits?

Confira o significado de expressões como “dar virote”,“sarrar”, “embrazar”,“rabetão”e “chavoso”, que estão sendo cantadas por aí

Você já foi “chavoso” para um “furduncinho”? Quemé da balada ou vive antenado com os sucessos tocados nas rádios já ouviu, e muito, essas palavras!

O colunista Chico Barney, do site UOL, chegou a fazer um “Guia para Adultos: Entendendo a Música Pop em 2017”, em que mostra uma variedade de gírias e expressões usadas nas músicas mais bombadas no País, como “sarrar”, “em brazar” e “rabetão”.

O AT2 aproveitou a deixa e reuniu outras expressões, como “dar virote”, da música de Wesley Safadão. O significado? Beber até o outro dia. Mas, no bom português, “virote” é um ferro que se colocava transversalmente no corpo das espadas antigas, de acordo com o professor de Língua Portuguesa Fabrício Dutra.

Para o especialista, que também estuda as gírias do funk carioca, essas novas criações linguísticas são algo natural e faz parte da vivacidade da língua.

“A gíria tem o poder de manipular sentidos, de produzir neologismos, de formar palavras derivadas e compostas. E o mais valioso e interessante das gírias é que, geralmente, é uma das mais criativas expressões da linguagem. Dado o grande apelo que as gírias têm no universo jovem, elas sempre estão ‘brotando’ nas canções de sucesso”, explicou o professor.

Para a funkeira Dani Russo, a gíria cria uma identidade com quem a ouve. “Meu público gosta muito de gírias e, assim, eu falo diretamente com ele”

.

Pensava que dar virote era bebida”

Foto: Fábio Vicentini/AT

Curtição é a palavra que está no dicionário de Adriana Spinassé, 44, e Izabela Spinassé, 19. Mãe e filha gostam de ir à balada de vez em quando ou escutar música em casa.

E, no repertório, canções de Djavan a Wesley Safadão. Mas Adriana confessou que nem sempre entende o que canta.

“Às vezes, eu pergunto o significado à Izabela. Eu pensava, por exemplo, que ‘dar virote’ era uma bebida. Agora sei que é beber todas, mas eu já usei a expressão ‘dar PT’, perda total, por exemplo”.

Izabela contou que aprende essas gírias nas conversas com os amigos. “Aprendo de forma espontânea e por ter noção das músicas”.

.

Pequeno dicionário – Termos usados pelos cantores

Wesley Safadão

  • Bonequeiro: Encrenqueiro.

Em “Raparigueiro Todo”: “Sou bonequeiro, forrozeiro mulherengo, onde tem mulher, eu tô correndo atrás ”.

  • Beber topado: Beber até não aguentar.

Em “Viciado em Cerveja”: “Garçom me perdoe, mas hoje é fiado/Traz mais caixa de cerveja que hoje eu vou beber topado”

  • Botar o litro pra sofrer: Beber demais.

Em “Bota o Litro Pra Sofrer”: “Pede mais uma taça/Arrocha na cachaça/E para de chorar/ E bota o litro pra sofrer”

  • Meu coração deu PT: Está perdido, deu perda total.

No caso, coração despedaçado. Em “Meu Coração Deu PT”: “Mais uma vez/ Eu tomei porre por você/ Mais uma vez o meu coração deu PT”

  • Pegar o beco: Ir embora, sair.

Em “Vou Pra Balada”: “Para de pegar no meu pé/ pois pega o beco e vai passando/ eu sou sua mulher, você tá pensando o quê?”

  • Muito gelo e pouco whisky: Pessoa que fala demais e faz de menos, que decepciona.

Em “Muito Gelo e Pouco Whisky”: “Disse que ia me pegar/ E hoje tinha sacanagem/ Que era maluca, que era da malandragem/ Mas na hora “h”, vixe/ Tô vendo que você é muito gelo e pouco whisky”

.

MC Kevinho

  • Novinha terrorista: Menina ousada, que sabe dançar muito bem o funk, que explode.

Em “Olha a Explosão”:“Essa novinha é terrorista/É especialista/Olha o que ela faz no baile funk com as amigas”

.

Mariana Rios

  • Fubazada: Povão, grupo de pessoas de classe inferior ou sem glamour.

Em “Sou Mais Eu”:“Eu sou mais eu, eu sou linda e gostosa/ a fubazada fica toda com inveja”

.

Israel Novaes

  • Sextou: Sair para beber na sexta feira.

Em “Sextou”: “Sextou, sextou/Hoje ninguém me acha, o celular descarregou”.

.

MC Gabi

  • Furduncinho: Festa boa.

Em “Furduncinho dos amigos“: “No furduncinho dos amigos/ Vai rolar uma festa cheia de bebida” MC Lan

  • Rabetão: Bumbum grande.

Em “Rabetão”: “Tu tá tão, tão linda com esse rabetão/ Tô xonadão”

MCs Zaac e Vigary

  • – Embrazar: Pessoa que já usou vários tipos de drogas, bebeu bastante ou está atormentada.

Em “Vai Embrazando”: “Vai embrazando/ Vai embrazando/ Vai embrazando”

.

MC Léo da Baixada

  • – Chavoso: Estiloso, charmoso, que chama atenção.

Em “Tá Chavoso”: “Um Nike de 1000 no pé, no bolso, só nota de 100/ A gata mexeu comigo ‘tá chavoso hein’”

.

MC Kekel

  • Bigodar: Encrencar.

Em “Bigodar”: “Ela sabe bigodar/ Pergunta, ‘Kekel, onde cê tá? ‘/ Faz de tudo pra me deixar em casa/ Mas os amigos não querem deixar”

.

Henrique e Juliano

  • Barulhando: Fala demais ou faz algazarra.

Em “Avisa Aí”:“Eu tô voltando pra vida que eu amo/ ‘Farrero’, solteiro o povo eu tô barulhando”

.

João Neto e Frederico e MC Kevin

  • – Sarrada: Sarrar, no dicionário, significa se encostar em alguém, roçando. Na música, sarrar no ar é quando se faz isto imaginando alguém à sua frente, sensualizando.

Em “Cê Acredita”: “Ela chega empinando o bumbum lá em cima/ Mandando a sarrada no ar com as amigas/ Tá só na maldade, acabando comigo”.

Fonte: Prof. Fabrício Dutra, colunista Chico Barney e site Universo Sertanejo.

.

Reportagem especial de Cristina Oliveira para o jornal A Tribuna do dia 03/09/2017

FUENTE:

https://www.tribunaonline.com.br/voce-entende-as-girias-dos-novos-hits/